O QUE VOCÊ PROCURA?
Concurso Engenheiro para MPOG tem 50 vagas para Engenheiro - Área 4
Foto de exibição

Boa Noite Engenheiro(a) Concurseiro(a),

O Ministério Do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) terá 50 vagas para o cargo de Engenheiro - Área 4.

As definições do cargo seguem abaixo:

CARGO 19: ENGENHEIRO – ÁREA 4 REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Engenharia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: realizar atividades de supervisão, planejamento, coordenação ou execução em grau de maior complexidade, bem como a elaboração de projetos em geral, de regiões, zonas, cidades, obras, estruturas, transportes, desenvolvimento industrial, preservação e exploração de riquezas minerais, melhoramento das condições de navegação marítima ou interior e aperfeiçoamento de técnica e da indústria nacionais, especialmente no que se refere ao seu aspecto físico-mecânico. REMUNERAÇÃO: R$ 5.596,31, composta de vencimento básico correspondente a R$ 2.698,71, acrescida de Gratificação de Desempenho de Atividade de Cargos Específicos – GDACE, correspondente a R$ 2.897,70. O candidato aprovado para os cargos da Secretaria de Patrimônio da União poderá optar por receber a Gratificação de Incremento à Atividade de Administração de Patrimônio da União – GIAPU de nível superior, conforme disposto na Lei nº 11.095, de 13 de janeiro de 2005, atualmente paga no valor máximo de R$ 4.617,00. JORNADA DE TRABALHO: 40 horas semanais.

No site ProvasResolvidas (www.provasresolvidas.com.br) você poderá se preparar para este cargo estudando pelas Provas Anteriores Resolvidas do MPU e MP, também aplicadas pela CESPE e cuja ementa foi a mesma deste concurso.

A matéria cobrada no cargo Engenheiro - Área 4 é:

CARGO 19: ENGENHEIRO – ÁREA 4 I EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS: 1 Produto imobiliário. 2 Plano de negócios e comercialização. 3 Estudos de viabilidade. 4 Incorporação imobiliária. 5 Parcelamento do solo (loteamento, desmembramento, unificação) 6 Aprovação, registros e licenças necessárias em empreendimentos imobiliários. II PROGRAMAÇÃO, CONTROLE E ACOMPANHAMENTO DE OBRAS: 1 Orçamento e composição de custos, levantamento de quantitativos, planejamento e controle físico-financeiro. 2 Acompanhamento e aplicação de recursos (vistorias, emissão de faturas, controle de materiais). 3 Critérios de Medição de Obras. 4 BDI e encargos sociais incidentes em orçamentos de obras. 5 Sistema de gestão da qualidade. 6 Produtividade na construção civil. 7 Orçamento e cronograma de obras públicas. 8 Conceito de projeto, programa e processo. 9 Gerenciamento de escopo, tempo, custos e recursos humanos alocados em projetos. 10 Métricas de desempenho do projeto. 11 Noções de análise de risco. III LICITAÇÃO DE OBRAS PÚBLICAS: 1 Projeto básico e projeto executivo. 2 Orçamento de referência para licitação. 3 Contratos e aditivos. 4 Princípios de planejamento e de orçamento público. IV AVALIAÇÃO DE IMÓVEIS: 1 Avaliação de imóveis urbanos com o uso de tratamento científico segundo a NBR 14.653 - Partes 1, 2, 3 e 4. 2 Avaliação de imóveis rurais com uso de tratamento científico conforme a NBR 14.653-1:2001 (versão corrigida 2:2005). 2 Conceitos básicos de avaliação de imóveis e considerações sobre a norma ABNT NBR 14.653-3/2004. 3 Método comparativo direto de dados de mercado. 4 Método da renda. 5 Método residual. 6 Regressão linear simples e múltipla. 7. Uso da estatística clássica. 8 Fatores de homogeneização para a avaliação de terra nua (classe de capacidade de uso dos solos, situação de acesso e classe de capacidade de uso versus situação). V EDIFICAÇÕES: 1 Arquitetura residencial (residências isoladas, edifícios de apartamentos, condomínios horizontais e verticais, habitação social urbana e rural). 2 Arquitetura de edificações públicas para uso administrativo, educacional, esportivo, turístico e cultural, hospitais e postos de saúde, restaurantes populares, cadeias e presídios. 3 Sondagens e fundações. 4 Conceitos de habitabilidade e salubridade. VI PERÍCIAS: 1 Vistoria de obras e de edifícios. 2 Vícios e patologias de construção. 3 Recuperação de estruturas e de edificações. 4 Responsabilidade técnica. VII SENSORIAMENTO REMOTO E FOTOINTERPRETAÇÃO: 1 Conceitos gerais. 2 Radiometria e comportamento espectral dos alvos. 3 Principais sistemas sensores. 4 Noções gerais de processamento digital de imagens. 5 Análise e técnica de interpretação fotográfica. VIII URBANIZAÇÃO: 1 Loteamento (condições e restrições para parcelamento do solo). 2 Infraestrutura para urbanização de glebas. 3 Urbanização de assentamentos precários. 4 Regularização fundiária. 5 Noções de sistema cartográfico e de geoprocessamento. 6 Acessibilidade a deficientes.

O link para informações sobre o concurso e edital na íntegra é: http://www.cespe.unb.br/concursos/mp_15_enap/

ProvasResolvidas.com.br - Se você é engenheiro(a) e quer passar em concurso público, seu lugar é aqui!!!

NOSSA EQUIPE

Rafael Chiaradia Almeida
Rafael Chiaradia Almeida é engenheiro, formado em Engenharia da Computação pela Universidade Federal

Besaleel Ferreira de Assunção Júnior
Besaleel Ferreira de Assunção Júnior é graduado em Engenharia Mecânica-Aeronáutica pelo Instituto Te
© Rafael Chiaradia Almeida / Besaleel Ferreira de Assunção Júnior (2012) - Todos os direitos reservados. | PETROGUIA 2ND